POLICIAL

Varjota (CE): Esposo de professora é preso acusado pelo feminicídio sobre protesto da população revoltada

Varjota, uma pequena cidade do interior, ficou chocada com a notícia do brutal assassinato de Flávia Maria Lopes de Sena Vasconcelos, professora muito querida na comunidade. O principal suspeito do crime é o próprio esposo da vítima, Rafael Machado Ramos de Vasconcelos, que foi preso pela Polícia Civil na tarde deste sábado (28/10), acusado de feminicídio.

O crime ocorreu na última terça-feira e teve grande repercussão em todo o estado, dada a crueldade com que foi cometido. Rafael foi capturado em sua residência, onde os policiais chegaram para cumprir o mandado de prisão.

Ao chegar na Delegacia de Polícia Civil, uma multidão, formada principalmente por mulheres, se aglomerou com faixas, cartazes e palavras de ordem, aos gritos de “assassino”, cobrando justiça. Algumas pessoas, bastante emocionadas, agradeceram à polícia pelo empenho e pela rápida resposta dada com a captura do suspeito.

Devido à revolta da população, foi necessário o envio de reforços policiais para garantir a integridade física de Rafael. Ele só conseguiu deixar o local dentro da viatura, em meio ao tumulto, depois de quase uma hora e meia, sendo encaminhado para o presídio em Sobral.

error: O conteúdo está protegido !!