Paciente com varíola dos macacos morre por complicações de saúde em Crateús

Um paciente infectado com varíola dos macacos (monkeypox) morreu em Crateús, no interior do Ceará. Segundo a prefeitura, o paciente foi a óbito por complicações de saúde e existência de comorbidades. Não foram repassados dados pessoais sobre a vítima, como idade ou gênero.

O caso foi confirmado nesta segunda-feira (19) e foi o primeiro caso divulgado até o momento no estado do óbito de uma pessoa que também estava com a doença. Ainda não há confirmação de óbito causado pela varíola dos macacos no Ceará.

“Ressaltamos que o caso estava em investigação laboratorial e recebemos a confirmação. Informamos também que, por complicações de saúde e devido à existência de comorbidades, o paciente veio a óbito”, publicou a prefeitura.

Ao todo, o Ceará tem 247 casos confirmados da doença, de acordo com o IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde (Sesa). Entre as 1.017 notificações, o estado já descartou 514 casos; e classificou 14 como “prováveis” e 220 como “suspeitos”.

(g1)